IlhaBela

Comunidades Tradicionais das ilhas Búzios e Vitória têm formatura do Ensino Fundamental com beca e capelo pela primeira vez

[ad_1]

As ilhas de Búzios e da Vitória abrigam as Comunidades Tradicionais mais distantes da sede do município de Ilhabela. Ambas são acessadas somente por embarcações e estão, respectivamente, a cerca de 25 e 38 quilômetros dos principais comércios e serviços oferecidos pela Prefeitura.  A distância, porém, não pode ser pretexto para que os moradores deixem de desfrutar alguns ritos de passagem importantes, sobretudo aqueles ligados à educação e ao amadurecimento pessoal.

Por este motivo, as duas comunidades tiveram nesta terça-feira (12), pela primeira vez, a formatura oficial de conclusão do Ensino fundamental I (5º ano) e II (9º ano) com direito à beca e capelo. Em anos anteriores, também houve formatura, mas nenhuma com a vestimenta típica da colação de grau. Os formandos ainda tiveram o discurso dos professores e da diretora das Escolas Tradicionais, Shirley Martins, bolo de formatura, quitutes e a presença da família e amigos que prestigiaram o evento.

Vitória, a menor das duas ilhas, possui cerca de 40 habitantes e apenas dois formandos, os alunos Marcos Vinícius de Oliveira, do fundamental I, e Kaíke da Silva Souza, do Fundamental II, da escola municipal Profa. Nilce Terezinha Salinas. O evento foi todo decorado com elementos próprios da ilha, com ramos de bambu e flores de flamboyant. O tapete de recepção também foi todo feito com bambus, folhas de coqueiro e flores, um exemplo do que pode ser realizado com criatividade e auxílio de todos os envolvidos.

Até mesmo os canudos dos diplomas foram feitos com bambu, gramínea abundante na ilha, conforme conta Kayke. “Foram meus pais que fizeram os canudos, eles trabalham com artesanato e o meu pai trabalha com bambu desde os 14 anos, aqui tem muito. Foi legal a formatura, agora eu vou para o ensino médio”, disse.

Em Família

Em Búzios a formatura foi dos primos Emanuel Guimarães Costa e Graziela Oliveira Costa, ambos com 15 anos. Eles completaram o 9º ano e tiveram certa dificuldade de se verem usando a beca. “Esse negócio aqui branco, é para frente ou para trás que fica?”, indagou Emanuel. A mãe, Kátia Regina Guimarães, riu do embaraço e explicou que o babado da roupa ficava na parte frontal.

“Quando eu estava aqui ajudando eles com a beca eu já estava quase chorando. Aqui nunca teve isso, essa formatura assim, com a beca, a roupa certa. Foi tudo direitinho, com filmagem, fotógrafo, a comida. A gente fica emocionada com essas coisas, eles também têm direito”, comemorou Kátia. 

Búzios possui cerca de 200 moradores e é dividida em duas comunidades, Guanxumas e Porto do Meio. A cerimônia de formatura foi realizada na primeira, na Escola Municipal Ilha de Búzios.

Sobre as ilhas

Tanto Búzios como Vitória fazem parte do município de Ilhabela, do Parque Estadual de Ilhabela, e são habitadas por comunidades caiçaras tradicionais. Ganham a vida principalmente com a pesca e o artesanato. A luz vem de placas solares com baterias e a água é de nascentes e poços. Para atender os alunos, os professores moram nas escolas e convivem com a comunidade, criando fortes laços com as crianças e adolescentes.

Para cuidar especificamente dessa parcela da população, a Prefeitura criou em 2022 a Secretaria de Comunidades Tradicionais, Pesca e Agricultura, que presta apoio a 17 núcleos habitacionais caiçaras.

Mais formaturas

Durante esta semana, mais formaturas foram realizadas nas comunidades tradicionais: Serraria, Praia da Fome e Bonete. Ao todo, são 133 alunos nas escolas de Ensino Infantil e Fundamental e outras 30 no Ensino Médio. As cerimônias ocorrem simultaneamente às demais formaturas das unidades escolares localizadas na área urbana do município.

[ad_2]

Informações Prefeitura Ilha Bela

Deixe uma resposta