Santos

Festival Máster de Natação em Santos reúne profissionais e amadores na piscina do Rebouças


A segunda edição do Festival Máster de Natação 2023 reuniu cerca de 200 atletas na piscina olímpica Adalberto Mariani no Centro Esportivo e Recreativo, na manhã deste sábado (25).

O evento contou com a presença de atletas de várias idades, amadores e profissionais, com destaque para o santista Guilherme Maia Kabbach, 34 anos.

Considerado o maior nadador surdolímpico da história do País, vencedor de duas medalhas de bronze na última Surdolimpíada, em Caxias do Sul (RS), o nadador sempre que sempre foi assíduo na piscina do Rebouças, estava presente mais uma vez. 

“É sempre uma alegria participar dos eventos esportivos da Cidade. Só tenho a agradecer a Prefeitura de Santos e a Fupes. Estou me preparando bastante e a expectativa é conseguir um bom resultado. Treinei muito tempo no Rebouças, frequentei muito essa piscina e é muito bom nadar aqui novamente”, disse o atleta, referindo-se aos treinos para o Sul-Americano de Surdos, no Equador, marcado para dezembro.

Outro participante do Máster, o aposentado Jorge Ohya, 79, observou o alto nível da competição deste sábado. “Já participei do festival no primeiro semestre e voltei agora. Eu nado há algum tempo, represento Praia Grande nos jogos da melhor idade e poder participar do festival máster hoje é uma alegria. Essa é uma prova bastante acirrada em todas as categorias. Não tenho dúvidas de que a cada ano o festival fica ainda mais competitivo e eu pretendo estar aqui participando outra vez”, comentou.

Monica Lage, 43 anos, começou a nadar após a pandemia e destacou a importância do esporte na sua vida. “Eu corria, mas depois de um problema no joelho precisei parar e encontrei na natação uma nova motivação. A Prefeitura está de parabéns. Eventos como esse são muito legais porque não têm só atletas profissionais, mas pessoas como eu, que gostam de nadar. Esporte é saúde e independentemente de levar medalha, o importante é participar”, disse.

O secretário de Esportes Gelasio Ayres Fernandes Júnior, comentou sobre a estrutura oferecida na Cidade e planos para criar novos eventos. “A nossa piscina olímpica é referência em toda a região, nenhuma cidade da Baixada possui uma piscina com dimensões olímpicas aquecida e pública como a que temos no Rebouças. É muito bom ver o espaço recebendo competições como essa, e no próximo ano, o objetivo é aumentar ainda mais o número de eventos esportivos não apenas nas modalidades aquáticas, mas também fora da piscina, com um calendário de eventos no Rebouças de janeiro a dezembro”, adiantou.  

O Festival Master de Natação foi organizado pela Prefeitura de Santos, através da Secretaria de Esportes (Semes), e contou com 11 categorias, organizadas por faixa etária a partir de 25 anos completos.

Esta iniciativa contempla o item 3 dos Objetivos deDesenvolvimento Sustentável da ONU: Saúde de Qualidade. Conheça os outros artigos dos ODS.



Informações da Prefeitura de Santos

Deixe uma resposta