IlhaBela

Projeto inovador torna Ilhabela a primeira cidade “Cardio Protegida” do Brasil


A Prefeitura de Ilhabela lançou na terça-feira (21) o projeto “Ilhabela Cidade Cardio Protegida”, pioneiro no Brasil, que visa minimizar os impactos causados por doenças cardiovasculares.

“Mais um compromisso assumido com a população, por meio do nosso plano de governo, que sai do papel e vira realidade. Pioneira no Brasil, vamos transformar a cidade em um modelo neste tipo de atendimento”, destacou Colucci.

A cidade vai receber totens com desfibriladores (DEA) em locais estratégicos, que devem ser operados por servidores públicos, voluntários e profissionais das equipes de Atenção Primária à Saúde capacitados pela equipe de coordenação do projeto de modo a atuar nos três primeiros elos da “corrente de sobrevivência”, sendo crucial na recuperação de vítimas de parada cardíaca.

O projeto “Ilhabela Cidade Cardio Protegida” tem como coordenadores o médico cardiologista Carlos Alberto Maknavicius, a enfermeira Suelen Monteiro de Almeida e o enfermeiro Fábio Luis, coordenador do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU).

“Com esses esforços, buscamos não apenas reduzir as estatísticas alarmantes de mortes por doenças cardiovasculares, mas também garantir que nossa população tenha acesso rápido aos cuidados especializados de alta qualidade nesses momentos críticos”, concluiu a secretária de Saúde, Lúcia Reale.



Informações Prefeitura Ilha Bela

Deixe uma resposta